Marcelo Diniz, Bar do Relógio com Cosentino – CASACOR SP

Home  /  Projetos  / Marcelo Diniz, Bar do Relógio com Cosentino – CASACOR SP
Marcelo Diniz, Bar do Relógio com Cosentino – CASACOR SP 2019-07-12T17:16:40-03:00
07 2019

Marcelo Diniz, Bar do Relógio com Cosentino – CASACOR SP

12 jul, 2019 | Mostras, Acima de 200 m2, Cidade

Project Description

O ambiente assinado pelo Marcelo Diniz para a CasaCor SP 2019 é o Bar do Relógio. O espaço de 270m² é dividido em três ambientes, a concepção foi realizada com base na estrutura original respeitando o valor histórico do projeto arquitetônico tombado. Localizado no centro da Praça do Jockey, foi projetado com um layout funcional, tornando-se ideal para promover encontros durante a mostra.

Logo na entrada, a fachada é marcada por grandes painéis de azulejaria criados pelos profissionais. Nas cores off white e ouro, completam a arquitetura original juntamente com três toldos na cor marsala. O terraço é composto por lounges que dão acesso visual à paisagem exterior. O mobiliário com estrutura tubular, corda náutica e madeira, mescla almofadas com estampas de chevron.

No ambiente interno, o rose veneziano foi à tonalidade escolhida tanto para as paredes quanto o teto. O layout é organizado simetricamente por dois sofás curvos em veludo de algodão, mesas de jacarandá e cadeiras em ébano e palhinha em arranjo circular com uma iluminação por pendentes de shantung de seda. Ao centro, o puff de couro matelassado junto às mesinhas de apoio em mármore convida para um aperitivo.

Os armários feitos em ébano e telinha, executam as funções de adega e da louçaria, desenhados pelos profissionais do escritório exclusivamente para a CASACOR. Sobre eles, uma instalação com foto assinada por Gigi Monteiro se contrapõe com a montagem de porcelanas antigas do acervo da família do arquiteto. A natureza é celebrada em um papel de parede Gucci com estampas de garça, a nova aposta do décor.

O destaque do ambiente é a lareira e o balcão em Sensa Taj Mahal, da Cosentino, que é uma superfície de granito natural que possui uma proteção resistente às manchas e que a torna única. Outro ponto alto do cenário, é o jardim, elaborado em conjunto com a paisagista Mônica Costa, que resgata o uso das espécies topiadas que contrastam com esculturas em aço carbono do artista Marcio Faria.

Fotos: Denilson Machado.

Profissional: