Open House Simone a Bobby Krell | 1ª Parte

Quem gosta de decoração e acompanha a história do tema sabe bem quem foi Olga Krell, sua importância para o mercado e um pouco da sua história. Caso você não há conheça vou te contar um pouquinho…

Muito da decoração que conhecemos hoje esta intimamente ligada a história dela, resumidamente aqui vai um pouquinho da sua história, mas só um pouquinho mesmo, pois estou com um livro lindo dela aqui na minha mesa de trabalho e recomendo a leitura, pois é uma maneira de entender também um pouco do mercado de décor atual.

Só a história da infância da Olga Krell já é impactante. Ela tinha 5 anos quando veio fugida da Segunda Guerra Mundial com sua família para o Brasil, “Saímos com a roupa do corpo em 2 de setembro, meu aniversário. Lembro-me do cheiro das bombas”. O pai, arquiteto, pagou por uma carona em um ônibus com soldados poloneses em retirada da cidade, prestes a ser ocupada pelos alemães. Antes, enviou parte do que tinha para um banco suíço e comprou brilhantes.“Parecia novela. Ele forrou os casacos com as pedras porque sabia que seriam nossas moedas na jornada.” * 

Outra passagem que acho muito marcante de sua vida e criação foi o fato de ter feito faculdade de arquitetura fora do país numa época em que pouquíssimas mulheres faziam faculdade, quiçá de arquitetura e quiçá fora.

Quando voltou para cá foi convidada pelo seu amigo Roberto Civita para trabalhar nas pautas de décor da Revista Claudia, o sucesso foi tão estrondoso que em pouco tempo a Editora Abril descolou da Claudia a Casa Claudia e nascia então uma das publicação mais importantes do seguimento no pais.

A vida inteira da Dama da Decoração, apelido carinhoso pelo qual todos a reconheciam, foi dedicada a este mercado. Depois da Casa Claudia ela continuou atuando com a Editora Online, encabeçada hoje pelo seu filho Bobby Krell.

Bom, apresentações feitas… Estava em um jantar e sentei ao lado da Simone Goltcher e do Bobby Krell, respectivamente, nora e filho da Dama da Decoração 😉 Conversa vai conversa vem eles me contaram que moram na casa que foi da Olga Krell, um projeto assinado por ela na década de 70 no bairro do Morumbi, aqui em São Paulo.

A Simone é arquiteta e com muita sensibilidade optou por não alterar de maneira sensível a casa, fez algumas pequenas modernizações de maneira bem pontual para preservar a memória do lugar da maneira mais fiel possível.

O resultado é o que eu vou te mostrar hoje nessas fotos e amanhã em um vídeo muito bacana em que o Bobby conta das suas lembranças na casa e a Simone fala como é morar num lugar com tanta história. 

*Fonte: Casa Claudia | Fotos: Edu Castello

2018-05-03T16:07:28+00:00 Categories: Decoração, Open House, Casas|Tags: |

2 Comentários

  1. Arq. maio 9, 2018 em 10:07 pm - Responder

    Muito Legal da Simone e o Bob cuidador e viver na casa dela. Também ansiosa para ler mais sobre esta admirável mulher que Olga foi.

Deixar Um Comentário